2.3.12

Etiqueta:

Março em 31 textos | #2 - Mãe/Pai

Mãe

Quando penso na minha mãe penso no sorriso, nos mimos, nos beijos, nos abraços. Penso em quem me motivou a seguir os meus sonhos e ideais, me ensinou a pintar, me proporcionou conhecer outros países. Não há nada como o colinho da minha Mami e o calor do seu abraço. Quanto penso na minha mãe naturalmente penso também na minha avó. Foi ela que em grande parte me criou e foi ela que me ensinou a ser esposa, dona de casa, mulher, a cozinhar, a passajar (coisa que faço pouco, confesso) e a fazer (a minha mãe também me ensinou) tricot, crochet e ponto cruz. Foi sempre um exemplo de força, determinação e coragem a seguir. E claro, quando penso em “mãe” não posso deixar de pensar na minha irmã. Com 9 anos de diferença, foi ela que me ensinou “os factos da vida” entre todas essas “coisas de mulheres” e foi uma verdadeira mãe galinha (mais que a nossa mãe). E claro, a melhor amiga que uma pessoa pode ter =). Por isso, em termos de mães, acho que estou (muito) bem servida.


Pai

Já era eu crescida e, por alguma razão (que não me lembro – acho que foi por causa de uma novela), tanto eu como a minha irmã começámos a tratá-lo carinhosamente por Bábá. Não era perfeito nem foi (para mim) o pai das brincadeiras ou afectos. Mas foi o professor dos valores, do raciocínio, da honestidade entre tantas outras coisas.


Adorava os jogos de xadrez, os passeios, os trocadilhos com os nomes das terras por onde passávamos e os jogos de palavras com as matrículas dos carros... =)


1 comentário/s:

  1. Os pais são sempre de um modo ou outro pessoas muito especiais na nossa vida :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Obrigado pelo comentário! =)

(Nota: Devido à grande quantidade de spam recebido, a confirmação de palavras foi activada)

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.